Pular para o conteúdo principal
A Marca

GLOSSÁRIO DA LUTA – DEFINIÇÕES DE PALAVRAS-CHAVES NO MMA

UFC: marca premium de esporte de combate e a força motriz por trás do MMA.

MMA: sigla em inglês para artes marciais mistas, esporte de combate em que diferentes técnicas de artes marciais são combinadas.

FINALIZAÇÃO: quando um atleta sinaliza, danto tapas com a mão ou verbalmente, que não pretende continuar a luta porque está com dor, para evitar uma lesão, para evitar um estrangulamento ou por vontade de encerrar o combate.

TAP OUT: método pelo qual o atleta sinaliza que pretende encerrar a luta com três tapinhas, que podem ser no adversário, neles mesmos ou no tatame. Tap outs verbais também são permitidos.

NOCAUTE: quando um atleta fica inconsciente ou desacordado após levar golpes ou sofrer outro impacto.

TKO: abreviação em inglês para nocaute técnico, quando um atleta não está apto a continuar a luta, geralmente por causa de alguma lesão.

ESTRANGULAMENTO: quando um atleta é sufocado pelo adversário até perder a consciência.

OCTÓGONO: ringue em formato octogonal, sobre o qual competem lutadores de artes marciais mistas.

DIRTY BOXING: golpe de boxe em que os atletas estão bem próximos, lutando no clinch. No boxe tradicional, os pugilistas seriam separados, mas no MMA eles podem lutar clinchados.

GROUND & POUND: estratégia empregada originalmente por wrestlers com limitadas habilidades de finalização. Consiste em levar o oponente para o chão, mantê-lo por baixo e golpear até o nocaute, a finalização ou até a luta ser interrompida.

GUARDA: uma posição semidefensiva em qual o atleta, com as costas no chão, mantém o oponente entre suas pernas.

GUARDA ABERTA: posição de guarda na qual os pés não estão intertravados.

GUARDA FECHADA: quando um atleta segura o adversário na guarda travando seus pés por trás do oponente.

MEIA GUARDA: posição de guarda na qual apenas uma das pernas do adversário está presa entre as pernas do atleta.

GUARDA BORBOLETA: posição de guarda aberta em que os pés do atleta ficam enganchados por dentro das pernas do oponente.

RUBBER GUARD: guarda em que o atleta que está por baixo cruza uma perna pelas costas do oponente e, com o braço, prende sua própria perna. Ela controla o adversário que está por cima enquanto permite que o que está por baixo ataque com a mão que está livre.

PASSAR A GUARDA: técnisa usada por um atleta que, da guarda do oponente, passa para uma posição de montada.

MONTADA: posição dominante na qual um atleta está por cima do adversário.

TERMOS DE POSIÇÕES

MONTADA LATERAL: quando o atleta está em cima de seu oponente com suas cabeças formando um ângulo de 90 graus. Também conhecida como controle lateral.

MONTADA FRONTAL: posição de montada em que o atleta que está por cima está numa posição elevada, com suas pernas escarranchadas.

MONTADA TRASEIRA: posição de montada na qual o atleta que está por baixo está de costas para o adversário por cima.

MONTADA REVERSA: posição de montada na qual as cabeças dos atletas estão voltadas para lados opostos. Também conhecida como montada norte-sul.

GANCHO: quando o atleta está na montada traseira e trava seus pés entre as pernas do adversário. Isso evita que o oponente gire o atleta que está por trás para melhorar sua posição.

MUAY THAI CLINCH: uma posição de clinch do muay thai em que o atleta agarra o adversário passando as duas mãos por trás da cabeça e usa os cotovelos para manter a distância e aplicar joelhadas no oponente.

TERMOS DE FINALIZAÇÕES

CHAVE DE BRAÇO: trava em que o braço do oponente está esticado, hiperextendendo o cotovelo. No MMA, isso é feito com maior frequência quando o lutador prende o braço do oponente entre suas pernas e levantando o quadril.

AMERICANA: uma chave de braço aplicada quando o atleta que está por cima dobra o braço do oponente em um ângulo de 90 graus. Ele segura o pulso do oponente enquanto seu outro braço passa por baixo do braço do adversário e é levantado, para fazer pressão no ombro.

KIMURA: uma chave de braço na qual o braço do atleta é dobrado em suas costas, levando a uma fratura ou uma luxação no ombro se o atleta não desistir. O nome é por causa do atleta japonês Masahiko Kimura.

OMOPLATA: kimura que usa a perna, em vez do braço, para travar o braço do adversário.

ESTRANGULAMENTO: posição aplicada no pescoço de forma a restringir o fluxo de ar, de sangue ou ambos. O estrangulamento é projetado para fazer o adversário desistir da luta dando três tapinhas ou perder a consciência.

GUILHOTINA: estrangulamento aplicado quando o adversário está com a cabeça em uma posição invertida e o antebraço do atleta é levantado, de forma a pressionar o pescoço do oponente.

MATA-LEÃO: um estrangulamento aplicado por trás do oponente, quando o atleta captura as costas dele. O mata-leão é um dos tipos mais vantajosos de estrangulamento do ponto de vista do posicionamento.

TRIÂNGULO: este estrangulamento pode ser aplicado com as pernas ou os braços. Neste último caso, o atleta coloca seu ombro abaixo da axila do adversário e prende seus braços ao redor do pescoço dele. O lutador então segura a própria mão, braço ou cabeça para fazer pressão. Usando as pernas, o atleta que ataca prende o pescoço do adversário com seu joelho, enquanto a outra perna passa por baixo do braço oposto do oponente. O pé é enganchado por trás do outro joelho e os quadris são levantados, ao mesmo tempo em que a cabeça do adversário é puxada para baixo para criar pressão.

TERMOS DE TROCAÇÃO

JAB: soco aplicado com a mão da frente para atordoar.

DIRETO: soco aplicado com a mão mais forte e poderosa.

OVERHAND: soco poderoso e eficaz aplicado em forma de arco e curvado.

GANCHO: soco dado com o braço dobrado e jogado através do corpo para golpear o oponente pelo lado.

UPPERCUT: soco aplicado com o braço dobrado e jogado para cima.

LIVER SHOT: combinação entre o gancho e o uupercut, aplicado do lado direito do oponente. Projetado para atacar o fígado, é um soco doloroso e muitas vezes debilitante.

SUPERMAN PUNCH: um overhand no qual o atleta pula para cima de seu oponente, em uma tentativa de evitar a defesa.

JOELHADA VOADORA: joelhada aplicada em um salto, projetada para penetrar a defesa do adversário.
 

TERMOS DE ESCAPE

ESCAPADA: quando o atleta consegue sair de uma posição de finalização ou de estrangulamento.

RASPAGEM: quando o atleta sai de uma posição de desvantagem e vai para uma vantajosa sobre o adversário.

UPA: uma raspagem em que o atleta que está por baixo rola e reverte sua posição, terminando na guarda do adversário.

TERMOS DE QUEDA

DOUBLE LEG: similar a um tacke do futebol americano ou rúgbi, o atleta abaixa sua cabeça, prende ambas as pernas do adversário com suas mãos e aplica pressão sobre o corpo dele, levando o oponente ao chão.

SINGLE LEG: parecida com a queda double leg, mas apenas uma das pernas é agarrada.

QUEDA TESOURA: o atleta coloca suas pernas como uma tesoura (uma por cima e outra por baixo) no adversário em pé e usa um movimento de torção para fazê-lo tropeçar e ir a chão.

SLAM: quando um atleta pega seu oponente e o joga no chão.

SPRAWL: uma técnica de defesa de queda em que o atleta lança suas pernas para trás e para longe do oponente que o ataca e direciona seu peso para o adversário num esforço para impedir o acesso às suas pernas.