Pular para o conteúdo principal
Notícias

Diego Ferreira revela estratégia contra Pettis: “testar o jiu-jítsu dele”

Brasileiro enfrenta ex-campeão dos leves no UFC 246, em 18 de janeiro

Já são cinco anos desde que Diego Ferreira fez sua estreia no UFC, mas é justo dizer que o brasileiro está em sua melhor fase na organização. O peso-leve vai em busca da sexta vitória consecutiva em 18 de janeiro, quando enfrenta Anthony Pettis no card principal do UFC 246, em Las Vegas.

A missão é grande: Pettis é ex-campeão da categoria até 70 Kg, e faz parte do Top 15 tanto nos leves quanto nos meio-médios. Mas para Diego, a estratégia é clara: parar a movimentação do norte-americano, e quem sabe testar a faixa-preta dele.

“Não posso deixar ele correr tanto na grade, se movimentar. Com a pressão ele para um pouco (...). A pressão vai ser para ele parar de correr muito, é um cara acrobático. Então vou pará-lo. Preciso trabalhar bem essa parte do jiu-jítsu e quero ver como é esse jiu-jítsu dele, que é bem afiado. Seria bem bacana. Vi muito ele finalizar, já estive em um evento em que ele finalizou o (Gilbert) Melendez, é um cara perigoso. Seria bom testar o jiu-jítsu dele”, declarou ao portal Ag. Fight.

Diego Ferreira
RIO DE JANEIRO, BRAZIL - MAY 09: UFC men's lightweight Diego Ferreira of Brazil poses for photographers during Ultimate Media Day on May 09, 2019 in Rio de Janeiro, Brazil. (Photo by Buda Mendes/Zuffa LLC/Zuffa LLC via Getty Images)

Diego ainda não faz parte do ranking dos pesos-leves, apesar dos bons resultados no Octógono. Mas enfrentar alguém do calibre de “Showtime” pode ser o impulso que o brasileiro precisa para entrar para a lista.

“Olho como se fosse mais uma luta. Mas claro que é uma boa para eu subir no ranking. Tenho que botar na minha cabeça que toda luta tem sua pressão. Fico bem focado por isso. Mas não ligo para essa questão de mídia, tento focar mais em mim, na parte física e mental antes de tudo”, disse.

O UFC 246 será liderado pela luta entre Conor McGregor e Donald Cerrone, válida pela categoria dos meio-médios. Outra brasileira que entra em ação é Claudia Gadelha, que encara Alexa Grasso no peso-palha. Confira o card completo.

Assine o Combate | Siga o UFC Brasil no Youtube