Pular para o conteúdo principal
Resultados

UFC Fight Island 3: Todos os resultados

Confira tudo o que aconteceu no último dos quatro eventos do Ultimate na Ilha da Luta

O ex-campeão peso-médio Robert Whittaker venceu o inglês Darren Till na luta principal do UFC Fight Island 3, no último sábado (25), que encerrou a passagem do Ultimate pela Ilha da Luta. O card teve ainda oito representantes brasileiros em ação. Confira todos os resultados.

Robert Whittaker vence Darren Till na luta principal

O ex-campeão dos médios Robert Whittaker está de volta. Em sua primeira apresentação no Octógono desde a perda do cinturão para Israel Adesanya em outubro de 2019, o australiano levou um susto ao sofrer um knockdown no 1º round, mas se recuperou e venceu o inglês Darren Till por decisão unânime (triplo 48-47) no duelo que encerrou a passagem do Ultimate pela Ilha da Luta.

"Honestamente, me sinto no topo do mundo. Houve muito estresse, muita pressão, muitos pensamentos a caminho dessa luta. Meu time estava estressado, muita, muita pressão. O mundo está maluco agora, então conseguir sair com uma vitória significa tudo para mim. Estou no topo do mundo, me sinto incrível", disse Whittaker após a vitória.

Mauricio Shogun vence trilogia em nova batalha com Rogério Minotouro

Mais um encontro, mais uma batalha. Mauricio Shogun e Rogério Minotouro dividiram o Octógono por mais 15 minutos na Ilha da Luta e proporcionaram mais um equilibrado duelo pela divisão dos meio-pesados, e assim como nos dois anteriores, quem teve o braço erguido no fim foi o curitibano, que levou a melhor na trilogia por decisão dividida dos jurados.

"Toda vez que luto com Rogério ele é muito duro, eu sei que vai ser uma guerra, ele é uma lenda, um cara que eu respeito muito. Estou muito feliz e é muito bom dar um show e agradar os fãs e os promotores, então o que mais você pode querer?", disse Shogun após a vitória.

Fabricio Werdum finaliza Alexander Gustafsson no 1º round

Um dos mais condecorados campeões de jiu-jítsu no UFC, o ex-campeão Fabricio Werdum mostrou todo seu nível na luta agarrada e "estragou" a estreia de Alexander Gustafsson na divisão dos pesos-pesados, finalizando o sueco com uma chave de braço ainda no 1º round, e se reabilitando após duas derrotas consecutivas no Octógono.

"Quero agradecer a todos que me apoiaram e me ajudaram durante minha carreira no UFC. Eu deixo a companhia feliz, estou um pouco emotivo. Tudo o que treinamos aconteceu na luta, foi incrível, exatamente o que treinamos aconteceu, fizemos tudo certo, treinamos jiu-jítsu, muay thai, kickboxing, condicionamento, mas principalmente a força mental, você precisa estar igualmente balanceado", disse Werdum após a vitória.

Carla Esparza vence Marina Rodriguez em duelo de estilos

O duelo entre Carla Esparza e Marina Rodriguez foi um clássico duelo de estilos: a brasileira com seu agressivo muay thai, a norte-americana com seu incansável wrestling. Após três duros rounds em que ambas tentaram implementar suas respectivas estratégias, o ímpeto e os contundentes golpes conectados por Marina não impressionaram tanto dois dos árbitros quanto as cinco quedas aplicadas por Esparza, que venceu por decisão dividida.

"A estratégia era o que vocês viram, planejei me movimentar com ela. Ela joelhadas duras e cotoveladas e jogo de clinch, eu planejei rodar, rodar e ir para a queda. Senti que tinha o melhor jogo de chão, ela foi mais ativa de costas do que eu imaginei, ela me cortou com cotoveladas mesmo de costas no chão. Ela é muito dura e eu a vi enfrentando algumas grapplers muito duras e ela não desiste, então definitivamente não estava esperando que ela desistisse. Estava querendo a finalização, especialmente aqui em Abu Dhabi, mas aceito de bom grado uma vitória contra uma lutadora invicta", disse Esparza após a vitória.

Paul Craig finaliza Gadzhimurad Antigulov no 1º round

O escocês Paul Craig levou a melhor sobre o russo Gazhimurad Antigulov no duelo pelos meio-pesados em Abu Dhabi, aproveitando a queda aplicada pelo adversário para encaixar um triângulo e definir o combate ainda no 1º round. Esta foi a quinta vitória de Craig no UFC - e a quinta por finalização.

"Sabíamos que ele era muito, muito bom no wrestling, ele entrou no single leg e me levou para o chão, sua força é sem paralelos com qualquer coisa que já senti, mas ele estava muito ocupado se preocupando com a pressão e tentando ficar em cima de mim. Normalmente, quando meus parceiros de treino fazem isso comigo, tenho a capacidade e a destreza nos quadris e consigo aproveitar aquele mínimo espaço", disse Craig após a vitória.

Alex Cowboy domina Peter Sobotta e vence a segunda seguida

O brasileiro Alex "Cowboy" Oliveira conquistou sua segunda vitória consecutiva no Octógono com uma de suas performances mais consistentes dos últimos tempos e conseguiu dominar Peter Sobotta por três rounds, levando a melhor em decisão unânime dos jurados.

"Trabalhei duro para vencer essa luta. A estratégia era o que eu fiz, esperar ele vir e usar minha trocação. Sou um lutador diferente, mudei muito no meu training camp. Estou fora do Top 15, mas quero voltar e lutar com os melhores. Esse esporte mudou minha vida, isso é o mais importante para mim", disse Cowboy após a vitória.

Khamzat Chimaev vence pela segunda vez em 10 dias no Octógono

O sueco Khamzat Chimaev fez sua estreia no Octógono no UFC Fight Island 1, dia 15 de julho, quando venceu John Phillips por finalização no 2º round em duelo pelo peso-médio. Apenas 10 dias depois, neste sábado, ele voltou à ação, entre os meio-médios, e conquistou novo triunfo no Octógono, desta vez vencendo Rhys McKee por nocaute técnico no 1º assalto.

"Eu gosto disso, quero fazer mais. Foi muito fácil para mim, hoje sou muito rápido, quero estar lá mais vezes. Não senti que lutei, foi um segundo, mas preciso disso, quero lutar", disse Chimaev após a vitória.

Francisco Massaranduba vence Jai Herbert com nocaute avassalador

Em uma guerra de quase 12 minutos, Francisco Massaranduba quase finalizou, quase foi nocauteado mas saiu por cima, vencendo o estreante Jai Herbert com um nocaute avassalador no 3º round. O brasileiro de 41 anos conquistou sua 16ª vitória no Ultimate, e a terceira seguida; mesmo assim, anunciou após o combate que está de mudança para a divisão dos meio-médios.

"Foi uma luta dura, muito dura mesmo. Enfrentei um oponente duro, mas lutas duras são boas. Foi duro, mas estou acostumado a lidar com essas coisas com os caras na academia. É o que é, só tenho que esperar pelo próximo passo agora", disse Massaranduba após a vitória.

Jesse Ronson finaliza no 1º round em retorno ao Ultimate

Voltando a pisar no Octógono pela primeira vez em seis anos, Jesse Ronson conquistou uma grande vitória ao finalizar Nicolas Dalby ainda no 1º round em duelo pela divisão dos meio-médios. Em sua primeira passagem pelo Ultimate, Ronson sofreu três derrotas: para Michel Trator, Francisco Massaranduba e Kevin Lee - todas por decisão dividida.

"É muito bom, esperei anos por isso. Sinto que, com minhas habilidades onde estão agora, vou apenas melhorar e preciso aproveitar meu tempo. A única perda que vou ter a partir de agora é a de cabelo", disse Ronson após a vitória.

Tom Aspinall nocauteia Jake Collier em menos de um minuto

O inglês Tom Aspinall venceu o norte-americano Jake Collier por nocaute aos 45 segundos do 1º round, estreando com o pé direito no Ultimate. Esta também era uma estreia para Collier: a na divisão dos pesos-pesados, após passagens pelas categorias dos médios e meio-pesados da organização.

"A estreia foi incrível, foi exatamente o que visualizei na minha mente o tempo todo. Eu sabia que ele era um pouco desleixado com sua técnica e se apressava um pouco, então foi o que treinei na academia, o timing dos meus golpes, sem me apressar, e funcionou bem", disse Aspinall após a vitória.

Movsar Evloev mantém invencibilidade e vence Mike Grundy

O invicto prospecto russo Movsar Evloev, de 26 anos, conquistou a terceira vitória no Ultimate e ampliou seu cartel no MMA profissional para 13-0 com um triunfo dominante sobre o experiente wrestler inglês Mike Grundy por decisão unânime dos jurados.

"Ele fez exatamente o que eu esperava dele. Sou jovem, ainda invicto e consegui uma vitória sobre um oponente duro. Espero que isso mande uma mensagem ao UFC, de que eu estou pronto para os melhores oponentes. gostaria de enfrentar Arnold Allen porque acho que poderia vencê-lo e tomar seu espaço. Estou um passo mais próximo do ouro no UFC e é uma questão de tempo até conquistá-lo", disse Evloev após a vitória.

Tanner Boser aplica 2º nocaute em menos de um mês

O peso-pesado canadense Tanner Boser conseguiu seu segundo triunfo em menos de um mês no Octógono neste sábado ao nocautear o brasileiro Raphael "Bebezão" Pessoa no 2º round; há 28 dias, ele venceu da mesma forma o também brasileiro Philipe Lins. Boser chega assim à terceira vitória em quatro lutas no Ultimate.

"A luta foi muito bem para mim. Era uma questão de tentar acertar os chutes baixos, golpes no corpo, fazê-lo desacelerar, ele é um cara grande, então eu preciso cansá-lo para então tentar acertar os golpes mais fortes, e deu certo", disse Boser após a vitória.

Pannie Kianzad leva a melhor sobre Bethe Correia

A sueca Pannie Kianzad deu mais um grande passo rumo ao Top 15 do peso-galo feminino neste final de semana, quando teve sua melhor performance até aqui no Octógono e derrotou a brasileira Bethe Correia por decisão unânime dos jurados, conquistando sua terceira vitória em quatro lutas na categoria.

"Foi uma luta dura, eu sabia que ia ser assim e me preparei para isso. Ela é muito dura, mas senti que teria vantagem. Estou feliz com a vitória, apesar de talvez não ter sido minha melhor performance, mas acontece e estou muito feliz com tudo pelo que passamos todos esses meses. Meu time me deu todo o suporte", disse Kianzad após a vitória.

Ramazan Emeev vence estreante Niklas Stolze

Após ser superado por Anthony Rocco Martin em sua luta mais recente, o russo Ramazan Emeev se reabilitou na divisão dos meio-médios com um triunfo por decisão unânime sobre o alemão Niklas Stolze, que fazia sua estreia no Octógono. Com a vitória, Emeev amplia seu cartel no Ultimate para 4-1.

"Me senti muito confiante de que poderia finalizá-lo umas duas vezes. Mas por causa das duas tentativas de finalização, minhas mãos ficaram muito pesadas. Não senti a joelhada dele no 1º round e senti que dominei a luta. Na próxima luta vou conseguir a finalização com certeza. Me sinto completamente saudável e quero voltar ao Octógono o quanto antes", disse Emeev após a vitória.

Nathaniel Wood abre o card com vitória sobre John Castaneda

O promissor peso-galo inglês Nathaniel Wood, de 27 anos, se reabilitou da derrota sofrida para o experiente John Dodson em sua última luta, e voltou à coluna das vitórias ao superar o estreante John Castaneda por decisão unânime na luta de abertura do card. Wood amplia seu cartel no Ultimate para 4-1 com o triunfo.

"A luta foi divertida. Foi bom de fato ter uma decisão para variar. Foi bom ver a luta ter três rounds de cinco minutos e conseguir fazer o que treino na academia. Não há nada melhor do que conseguir um nocaute rápido, ganhar um bônus, esse tipo de luta, mas também é bom ir lá e ter uma luta", disse Wood após a vitória.

Resultados oficiais
Card principal

Robert Whittaker venceu Darren Till por decisão unânime (48-47, 48-47, 48-47);

Mauricio Shogun venceu Rogério Minotouro por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28);

Fabricio Werdum venceu Alexander Gustafsson por finalização (chave de braço) aos 2m30s do 1º round;

Carla Esparza venceu Marina Rodriguez por decisão dividida (28-29, 29-28, 30-27);

Paul Craig venceu Gazhimurad Antigulov por finalização (triângulo) aos 2m06s do 1º round;

Alex Oliveira venceu Peter Sobotta por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27);

Khamzat Chimaev venceu Rhys McKee por nocaute técnico aos 3m09s do 1º round.

Card preliminar

Francisco Massaranduba venceu Jai Herbert por nocaute técnico a 1m30s do 3º round;

Jesse Ronson venceu Nicolas Dalby por finalização (mata-leão) aos 2m48s do 1º round;

Tom Aspinall venceu Jake Collier por nocaute aos 45s do 1º round;

Movsar Evloev venceu Mike Grundy (30-27, 30-27, 29-28);

Tanner Boser venceu Raphael Pessoa por nocaute técnico aos 2m36s do 2º round;

Pannie Kianzad venceu Bethe Correia por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28);

Ramazan Emeev venceu Niklas Stolze por decisão unânime (30-27, 30-27, 29-28);

Nathaniel Wood venceu John Castaneda por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27).

Assine o Combate | Siga o UFC Brasil no Youtube